sábado, 29 de março de 2008

A defesa da honra

Hoje, quando vim aqui no sentido de actualizar e de ver os comentários ajnteriores, deparei com isto.




"Tem piada... nunca mencionas o facto de, nos anos 80, o campeonato mundial de F1, Sport Protótipos e ralis, coexistirem todos em igual nível de popularidade, e depos com o Mosley, tudo desaparece... mesmo ao nivel de viuva, pra voces só conta o Senna. O GP Japão que ele IRIA ganhar em 89, assim como tudo o resto...


Por fim, acho ridiculo a maneira como te gabas dp teu blog: "ah e tal já tenho 100 000 visitas"... Olha os teus textos são uma merda, tudo copiado da wikipedia acrescentando os teus (...) roubados ao juxpot do forum autosport, sem uma fonte sequer digna desse nome. Essas corridas que tu tanto falas (os GP memória) tu nunca as vistes sequer, basta ver pela maneira incompleta e amorfa que tu as comentas (e que tu chamas de "modo jornalístico" lá no forum quando dizem que tu te esqueceste de coisas importantes).


Eh pá mas aviso que continuarei sempre a visitar o teu fórum: o texto não vale uma merda, mas tem imagens excelentes... Os meus parabéns...Quero ver se és homem de deixar issso publicado aqui!


PS: Começa a ler uns livrps de F1, daqueles técnicos, e uns anuarios e biografias, porque tempo e disponibilidade para escrever, lá isso ninguém te tira!"


Este é um comentário anónimo. Tipicamente de cobardes. Não só o deixei lá, como também coloco aqui, para que todos vejam, e também como resposta ao desafio que ele lançou.


O link está aqui.http://continental-circus.blogspot.com/2008/03/end-jean-marie-ballestre-1921-2008.html


Como podem ver, estou profundamente ofendido. Estou a ser o mais frio e racional possivel para responder a este comentário da maneira mais compreensível para todos. Não me interessa saber de que lado vocês ficam, o que quero simplesmente é realçar o que se passou. O meu blog tem 14 meses de vida. Ao contrário de muita gente, este é o meu projecto pessoal. Sou licenciado em jornalismo, estou desempregado e este é a minha forma de mostrar que tenho talento para escrever sobre assuntos (neste caso que mais gosto).


O meu retrato acima posto é sinal de que estou a dar a cara. Portanto, ao contrario dessa coisa (que nem é um ser humano, é um cobarde ressentido), sou transparente e nada tenho a esconder.A esse cobardolas, digo isto:Tenho todos os anuários do Francisco Santos, desde 1989 a 2005 (não tenho os dois últimos). Tenho três biografias do Ayrton Senna e alguns livros, em inglês, sobre a Lotus e sobre os pilotos de Formula 1, nomeadamente o F1 Autobiography, provavelmente um dos livros mais bem escritos da Formula 1.


Segundo: sei ir ao Google, e sei o que pesquisar e onde pesquisar. Perco HORAS a ver o que é relevante ou não. E meto os links, para que vejam o que ando a fazer. Quase todos estão em inglês. Quantos de vocês sabem ler e tirar o que querem num inglês quase técnico?Terceiro: por causa dessa "coisa", decidi colocar barreiras no meu blog. A partir de agora, comentários anónimos serão proíbidos. Sei que a maior parete de vocês vai lá, mas não comenta, ou nem vai lá, porque coloco aqui.


Quarto: Não sei porque essa "coisa" colocou o juxpot no meio da confusão. A unica diferença entre ele e eu, é que ele retira tudo de lá, e eu escrevo as coisas. Ele tem a tarefa muito mais facilitada...


Quinto: Consegui 111.800 pageviews em 13 meses. O blog não fala de politica, futebol ou sexo. TENHO MUITO ORGULHO NISSO! Tenho algo que pouca gente tem: sou reconhecido no estrangeiro, nomeadamente no Brasil. A coisinha, o que tem para mostrar? Menos de nada.


Ironicamente, este texto foi feito sem recorrer a qualquer fonte, só vi a noticia. Nem fui à Wikipédia (que ele acha a "fonte de todo o mal"...). Estava a escrever num Internet Café, porque estou em viagem e parei para fazer uma actualização. Tinha tempo limitado, portanto, fazer uma pesquisa como deve de ser, só se tivesse a carteira recheada ou um portátil à mão. Nâo tenho dinheiro para isso...


Como podem ver, estou ultrajado. Estou chateado. Se visse essa coisa à frente, não safaria sem um enxerto de porrada. Aquele blog é a minha vida, e os que me ofendem, simplesmente revelam aquilo que são: nada.
Jà agora, depois disto, decidi tomar uma decisão irreversível: este blog só terminará no dia em que eu morrer. Ou seja, qualquer decisão profissional no futuro implicará que eu continue a escrever aqui. Nemnum órgão de informação me impedirá de escrever aqui, e se houver alguém que coloque isso como obstáculo, simplesmente direi "não". O que não me mata, torna-me mais forte. Contra todos os cobardolas anónimos.


Desafio-o a responder-me, mas com as mesmas armas do que eu: nome e cara.

20 comentários:

hjg disse...

Paulo, isso tem um nome, envidia, cochina envidia!

Cuando uma pessoa faz um bom trabalho, investiga e analisa, chegam detratores que nao sabem fazer isso xq nao conhecem a materia, xq nao sabem investigar ou xq nao tem exito nos projetos. Tirar sarro de uma pessoa que trabalha tanto nesta bitacora como voce é absurdo, infantil e inmaduro.

Por isso honor a quem honor merece. Conte com meu apoio e o apoio de miles de pessoas na blogosfera.

Abraços...

PD: Anonimo e igual a Cobarde...

L-A. Pandini disse...

Speeder, venho prestar minha solidariedade. E dar uma sugestão: não ligue para esse tipo de gente. Especialmente quando, covardes, não têm sequer coragem de assinar o nome. São uns coitados.

Durante algum tempo, mantive moderação de comentários no meu blog. Hoje, faço diferente: deixo qualquer um comentar, mas se o comentário for anônimo e unicamente provocativo, sem qualquer idéia que preste, é deletado sem dó nem piedade.

Alguns me chamam de "censurador" e "autoritário" por fazer isso. Eu c...go para esses comentários. Meu blog é aberto a quem quiser comentar, o que não significa que vou tolerar a presença de arruaceiros. É um espaço pessoal acima de tudo, mas feito com visão e prática jornalística. Portanto, perfeitamente passível de ser editado segundo os meus critérios. Quem não sabe respeitar também não merece respeito.

Continue com o seu trabalho. Em algum momento ele será reconhecido.

Abraços. (LAP)

José António disse...

Speeder, um grande abraço de solidariedade.

Não valeria a pena sujares as mãos... são situações difíceis de se enfrentar mas julgo que a melhor coisa é dar-lhes o desprezo que merecem.

Rianov disse...

Isso são apenas as pedras no caminho, este que tende a ser muito brilhante, levante a cabeça e bola pra frente.

Você esta com minha solidariedade, apesar de nos conhecermos a tão pouco tempo, admiro muito seu trabalho,
Força e ...
Saudações Soviéticas

Juliano "Kowalski" Barata disse...

Caro Speeder, seu blog é um dos mais respeitados no meio. Muita informação, sempre de qualidade. Sou um visitante assíduo, embora não comente com tanta freqüência.

Não se sinta atingido por um comentário aleatório e anônimo. O mundo está cheio de gente assim, que precisa agredir aos outros para se auto-afirmar.

Bote o carro de volta à pista, não acelere demais na saída pra não esquentar em demasia os pneus traseiros, e continue seu ritmo de corrida!

[]s!

Leandrus disse...

Speeder, seu blog é muito bom e por isso acho que você tem todo o direito de estar ofendido, como eu também estaria se acontecesse comigo. Provavelmente foi escrito por alguem com inveja deste excelente espaço.

Ateh!

OBS: Po Speeder, mas eu falo sobre futebol no meu blog né...rs!

Octeto Racing Team disse...

Speeder!!!
Que situação chata, me coloco em seu lugar e entendo perfeitamente sua indignação.
Siga adiante com a sua idéia, mantenha a cabeça erguida, e passe por cima destes idiotas.
Quem não deve, não teme.
Na verdade, se acontecer novamente, nem responda mais.
O blog está aí, para todo mundo ver o que é verdade.
Te gostamos muito no Octeto, obrigada por todo apoio e por seus maravilhosos textos.
Beijos

Vick (Octeto)

Felipe Maciel disse...

Speeder, você sabe que seu blog é uma referência automobilística da língua portuguesa e não vai ser um comentário de um anônimo que vai mudar isso.

As numerosas visitas que recebe são uma grande prova de qualidade. Seu trabalho é sempre muito bem reconhecido, ao contrário do tal comentário de um anônimo, de que amanhã ninguém vai se lembrar.

Sua dedicação com este blog é algo que me impressiona. Vai tocando pra frente numa boa, se tem alguém que não gosta de você, problema dele... Tem gente que não suporta o Schumacher, tem quem odeie o Senna, mas não me lembro de ninguém que proteste contra o Zsolt Baumgartner.

Um pitaco ácido de oposição só mostra o quão grande você é.

Abraços

WBrandt disse...

Speeder,
esta semana foi meio tumultuada (e a próximas acho que serão também) e não pude acessar a internet para meu acompanhamento diário das notícias sobre automobilismo nos sites e blogs. E vendo esse post seu, lhe digo para continuar com seu trabalho que é respeitado por tantas pessoas (sou uma elas). Tanto que os números de acessos estão aí para provar. Concordo com o Pandini, quando aparecerem babacas como esse, delete.
Grande abraço e continue com seu blog que é referência no meio.

kimi_cris disse...

não se deixe ir abaixo com esse comentário! o teu blog e excelente

Babi disse...

Speeder, aconteceu isso comigo tb, quando postei um texto sobre Senna. Vc sabe como brasileiro é com esse assunto, né? O pior é que começaram a questionar a minha formação e outras coisas que não tinham nada a ver só para dizer que o texto estava ruim. Imagino como vc se sente, pois fiquei assim também. Respondi pelo campo de comentários mesmo - não queria que isso tivesse uma proporção desnecessária e graças a Deus a discussão acabou. Espero que o seu anônimo covarde acorde e pare de te escrever ou venha aqui se retratar. Nós que temos o blog damos a cara para bater e é muito fácil vir alguém e deixar um nome e e-mail falso de comentário. Isso tb é muito cômodo.

Se esse post tem 10 comentários, saiba que são 10 pessoas que te apóiam, ao contrário de 1 que te ofende. Keep walking and don't care!

Loucos por F-1 disse...

Caro Speeder, podemos definir esse comentário como pura inveja do seu excelente trabalho.
Trabalho esse que é reconhecido pelo mundo e tem sido referência para todos nós.

Em tudo na vida sempre haverá alguém para questionar e falar mal. Você têm todos ao seu lado e não será um idiota qualquer que te impedirá de continuar seu trabalho.

Um forte abraço!

Leandro Montianele

João Carlos Viana disse...

Assim como todos os blogueiros acima, lhe dou toda a solidariedade possível, pois além de ficar ao seu lado, existe idiota, imbecil, (vou parar por aqui, se não vou baixar o nível demais!) em todo o lugar!

Sempre entro no seu blog, todos os dias, assim como faço com vários outros blogs e você está entre os melhores dos melhores, ao lado de outros blogs amigos, inclusive de alguns que aqui escreveram.

Parabéns pelo seu blog e se você continuar escrevendo até o final de sua vida, estarei lhe visitando até o final da minha!

Abraços!!!!!!!

Margarida Balseiro Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Margarida Balseiro Lopes disse...

Paulo,

Passei por acaso aqui no teu blogue e ocorre-me dizer-te três coisas:

1º Não percebo nada de F1, por isso será difícil comentar os teus posts, ainda que cá vá passando.

2º Fiquei muito sensibilizada com a referência que fazes ao blogue a que orgulhosamente pertenço, o psicolaranja.blogspot.com.

3º Quanto ao motivo do post, são várias as pessoas com problemas na dobradiça do braço, mas muitas mais em assinarem por baixo das alarvidades que escrevem e dizem. The show must go on, amigo!

beijinhos

Paulo Gouvêa Jr. disse...

Caro Speeder, meus votos de solidariedade a ti, meu caro.
A difamação e a maledicência é típico dos covardes e ineficazes. Você está acima de muito jornalista. E olhe que trabalho com vários todos os dias. Não se nivele a tábula rasa. Boa sorte e continue no seu intento.
Faço das palavras de Nuvolari as minhas: covarde = anonimo

Marcos Antônio disse...

Speeder,isso só te um nome:Recalque
Seu blog é um dos melhores sobre automobilismo,não se deixe abater por um mísero indivíduo que não tme coragem de aparecer

abraços!

Unknown disse...

amigo no le haga caso a ese tipo de posts. infelizmente la internet actual ajuda a desatar instintos bajos, como a este cobarde que publicó un montón de mentiras que claro, te hirieron,
y tienes razón de sentirte asi, todos aqui sabemos que mantener un blog cuesta tiempo y deidcacion, y tner un blog de excelencia como el tuyo no es facil

siga adelante, no se rinda, y no le haga caso a seres minúsculos como ese

Anónimo disse...

Amigo, me chamo Hugo Becker, moro em São Paulo, Brasil, e raramente comento em teu blog, mas leio-o diariamente.

Não leve em consideração o que este cara está falando. Como todos aqui, quero prestar minha solidariedade. Seu trabalho é digno e admirável.

Saibas que infelizmente, em todo o mundo há pessoas com MUITO talento que não encontram seu lugar ao sol. Também estou desempregado e sei perfeitamente o que o projeto de uma vida significa para nós e nossa alma, seja lá qual for o projeto.

Teu projeto é digno e limpo. É admirável. A prova disso é o sucesso de teu blog.

Pessoas anônimas dispostas a nos desestabilizar, existem aos montes. Você fez muito bem de mostrar sua força, e mostrar que continuará com o blog até o fim.

Me orgulho de você. Me orgulho de ter sangue português ao ver atitudes como a sua. Antes do Becker, tenho o Machado em meu nome.

Parabéns. Continue sempre em frente.

Abraços.

http://hugobecker.blogspot.com

Pezzolo disse...

demorei mas chegui. incrivel, aconteceu a mesma coisa no p´log... acho que é alguem de mal com a vida e MUITA, MUITA INVEJA