sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Três anos depois: O Ano do Contacto

Pois é. Este blog coloca hoje mais uma vela no seu bolo de aniversário. É incrivel o facto desta coisa ter crescido tanto e continuar a ser uma referência cada vez maior nesta blogosfera. Não imaginei, no momento em que escrevi as minhas primeiras linhas, três anos e mais de quatro mil posts atrás, que iria convencer outros blogueiros a reactivar blogs adormecidos, convencer outros a arrancar com os seus, receber elogios de todos os cantos do mundo, guiarem-se pelo meu farol.

Para muitos, eu sou um dos seus heróis. E provavelmente nunca viram a minha cara.

Chego a 2010, "O Ano do Contacto" retratado por Arthur C. Clark onde no seu livro, Jupiter se transforma num novo Sol. Mas neste ano tão simbólico, o panorama do automobilismo mundial neste último ano tornou-se emocionante. Tivemos uma briga por protagonismo, tivemos uma Formula 1 que esteve à beira do precipício e de ter uma série paralela, vimos Kimi Raikonnen a trocar a Formula 1 pelos ralis, vimos Michael Schumacher a regressar ao cockpit, Luca Badoer como novo condutor de Domingo (para não dizer chicane móvel) da Formula 1...


E vimos também o aparecimento de novas equipas e a retirada de outras. A temporada ainda não começou, mas sabemos que existe uma Virgin, uma Campos e uma USF1, e vimos a BMW desaparecer para dar lugar à Sauber, vimos a Renault "limpar o escritório", mas a manter o nome, vimos a Toyota desaparecer e entregar tudo a uma misteriosa "Stefan GP", e vimos também Max Mosley a sair pela "porta pequena", para ver entrar Jean Todt, como candidato do sistema, batendo Ari Vatanen, o homem que todos gostariam de o ver como presidente. Isso foi o que aconteceu em 2009.


Quanto a mim? Bom... meti-me num projecto jornalistico que deu barraca ao fim de três meses. Quando se começa "pelo telhado", sem orçamento para aguentar os primeiros tempos. Claro, no final, toda a boa vontade inicial termina com enormes dividas a tudo e todos, incluindo a mim mesmo. Sim, fiquei "a arder" em dois mil euros. A unica coisa positiva que posso ter nisto foi a experiência. Mais nada.

Em compensação, este blog deu um passo en frente, ao publicar o seu primeiro livro. Juntou o que de melhor escreveu nestes três anos e transformou-se em algo que pode ser lido para além do blog, quer seja em papel, quer seja em PDF, para um futuro e-book. Acho que o livro vale por ser um "best of" do que já escrevi por aqui. E vai ser o primeiro de muitos, pois planeio no final do ano fazer mais outro, baseado na temporada que vai começar. Se quiserem ver com calma, basta clicarem na lateral do meu blog. E claro, digo que vale a pena comprar! Nem que seja para ajudar este pobre desempregado...

Mas deixei o melhor para o fim. Por uma agradável coincidência, hoje vai ser a apresentação do primeiro Lotus de Formula 1 em 15 anos. Achava de inicio que o projecto malaio não seria mais do que uma apropriação indevida de um nome construido ao longo de muitos anos por colina Chapman, mas a cada dia que passa, vejo que foi muito melhor pensado que muitas das equipas ditas... sólidas. E também, eles querem e desejam respeitar essa herança, implantando não só o simbolo na carenagem, como também adoptaram as cores da marca: "british racing green" com uma faixa amarela. Agora só falta saber se vão seguir a mesma sequência de numeros no seu novo chassis. Seria fenomenal mesmo. Parece que ao fim de dezasseis anos vou olhar para a Formula 1 com outra visão.

E quanto a vocês: agradeço pela vossa companhia. E que comemoremos juntos este dia por muitos e bons anos.

10 comentários:

Unknown disse...

parabens Speeder!! e que seja o terceiro de muitos mais, agora vamos a dar um jeito de que os hispanoparlantes também possam te ler.

e com o livro, este projeto chega ao status que merece, o de uma referencia inestimável em F1.

não imagino o que será um blog em 15 ou 20 anos, mais alí estaremos, com o Force India coronado campeão e Alvaro Parente tentando botar a primeira equipe portuguesa na F1.... se o patrocinio aparecer, e Felipe Massa Jr. topar ser piloto

Willian disse...

Opa, parabéns Paulo!
Vamos abrir o vinho e comemorar! :-)
Desejo-te muitas felicidades e sorte sempre, meu caro amigo.
Um grande abraço

Fernando Kesnault disse...

Parabéns e continue nesta linha de qualidade que tens dado ao blog. Já revi muita coisa que tinha visto qdo. pequeno e aprendi também. Minha passagem aqui é diária e obrigatória. Muito obrigado, é o que posso lhe presentear neste momento.

José António disse...

Parabéns, Speeder.

Marcos Antônio disse...

parabéns Speeder, com certeza é uma referência em toda a blogsfera automobilistica! E agora vaiser escritor, Lemyr Martins que se cuide, pois sou mais você do que ele!rs

muito sucesso!

Fleetmaster disse...

Parabens !! TEm histórias mmuito interessantes que li por aqui nestes 3 anos !
Go ahead!!!!

Octeto Racing Team disse...

Speeder parabénssss!!!
Que venham muitosssss aniversários pela frente!!!!hehehe

tem post lá no Octeto! hehe

Bjinhos das meninas do Octeto, Tati

Marcel Santos disse...

Olá Speeder!

Muitos parabéns!

És uma fonte de inspiração para muitos de nós que também por cá andam e um exemplo a seguir!

Que estes 3 anos sejam apenas o início de algo ainda melhor!

Tudo de bom!

Abraço,
http://tintinsobrerodas.blogspot.com/

Daniel Médici disse...

Meus mais sinceros parabéns, Speeder! Não posso falar pelos outros blogueiros, mas certamente o meu blog não teria tanto alcance não fosse por você. Muito obrigado!

Mai disse...

feliz cumpleblog!!!

y que cumplas muchos mas!!!

saludos!!! :D