quinta-feira, 22 de novembro de 2007

A Formula 1, tal como está

Por estes dias, há três coisas que se falam no meio da Formula 1:

- para onde irá Fernando Alonso,

- quem o substituirá na McLaren,

- será que a Renault receberá o piloto espanhol.

Pois bem, dando uma olhada pelos vários blogs deste pequeno (mas importante universo), pode-se afirmar algumas coisas:




1 - McLaren está interessada num bom substituto para Fernando Alonso. O excelente Mario Bauer aposta em Heiki Kovalainen, e o Ivan Capelli diz hoje que provavelmente vai ser Adrian Sutil. Se no primeiro caso poderia ser um gosto que Ron Dennis tem para trabalhar com finlandeses (na sua longa carreira trabalhou com Keke Rosberg, Mika Hakkinen e Kimi Raikonnen), no segundo caso poderia ser uma imposição da Mercedes em ter um piloto alemão. E ainda por cima, Sutil já foi companheiro de Lewis Hamilton na Formula 3 Euroseries...
2 - A época de 2008 para Fernando Alonso vai ser uma de transição, e ele sabe disso. Daí que ele queira um contrato de uma época de duração para assim poder estar mais livre para 2009 (a ideia deve ser a Ferrari, pois está nas boas graças de Luca de Montezemolo). Sendo assim, a melhor oferta seria a da Red Bull, que tem dinheiro para gastar, e a ambição de ter o melhor piloto do campeonato (para alguns).


3 - Caso seja verdadeiro, consegue-se paerceber as declarações de Flavio Briatore, que agora anda numa de ultimatos atrás de ultimatos para que Alonso assine o contrato com a Renault. Pelo menos é o que pensa o AC, do Blogtorposrt. O italiano afirma que colocou um contrato de três épocas em cima da mesa, e não mais. Provavelmente, Alonso deve ter dito "não", e Briatore deve ter ficado "com as calças na mão". Assim sendo, percebe-se as declarações dele.



E para piorar as coisas, pode perder Kovalainen para a McLaren, o que deixaria só com um novato (Nelson Piquet Jr.) na equipa. E isso pode ser meio caminho andado para que Carlos Ghosn, o "big boss" da marca, "puxar o tapete" da Formula 1...

1 comentário:

Garcia disse...

1 - O que seria uma grande besteira por parte da McLaren. Precisam de um piloto que tenha o mínimo de experiência para acertar um carro, algo que não irá acontecer com 2 novatos no time;

2 - Não acredito ainda na história de Fernando Alonso na Ferrari até que se apresentem argumentos mais convincentes. Por enquanto nada me tira da cabeça que o caminho dele deve ser mesmo a BMW em 2009. Um bom pacote técnico e em evolução aliado à um belíssimo salário resolvem o problema dele. Para Mario Theissen então, nem se fala o quão bom pode ser ter Alonso no time.

3 - Briatore está passando vergonha com esse negócio de prazo. Seria mais bonito anunciar sua dupla logo independente de Alonso. Anuncie um bom piloto e um meia boca e caso Alonso queria assinar com a Renault é só fazer o que mais se faz no mundo da Fórmula-1: Quebrar um acordo.