quarta-feira, 4 de maio de 2016

WTCC: Volvo não considera TCR

O TCR, Touring Car Racing, surgido há pouco mais de um ano, está a ser um campeonato de turismos que está a conquistar simpatias um pouco por todo o mundo, tendo sido criados várias competições locais e regionais, quer em termos de turismos puros, quer em termos de corridas de longa duração. E isso está a atrair muitos construtores ou preparadores locais, usando vários modelos de carro.

Contudo, a Volvo veio contrariar essa tendência, ao afirmar esta semana que não tenciona participar no TCR. Alexander Murdzevski Schedvin, o responsável pela Polestar, o braço automobilístico da Volvo, deixou claro numa entrevista à Racecar Engeneering que, por agora, o conceito TCR não interessa ao construtor sueco. 

"O TCR é para pequenos hatchbacks, algo que também existem no WTCC, mas (no WTCC) a regulamentação técnica permite-nos um carro muito bom, o que é a nossa prioridade. Nós decidimos ter todas as nossas actividades no S60, carro do segmento B. Um campeonato do mundo, mais o facto de podermos colocar toda a nossa tecnologia directamente usando um bloco de motor de base, o único no campeonato do mundo (a fazê-lo)", começou por afirmar.

Outro factor importante nessa decisão tem a ver com o TCR ser essencialmente um conjunto de campeonatos regionais, e não ter um conceito mundial, como o WTCC, World Touring Car Championship. "O TCR não é um Campeonato do Mundo e a Polestar [é agora] um produto cada vez mais global para o grupo Volvo." disse Schedvin à mesma fonte.

Para além do WTCC, a Volvo participa no STCC escandinavo e nos V8 Supercars australianos, todos no S60 preparados pela Polestar. Entre os pilotos estão os suecos Frederik Ekblom e Thed Bjork (WTCC), Robert Dahlgren e Richard Goransson (STCC) e o neozelandês Scott McLaughin e o australiano James Moffat (V8 Supercars)

1 comentário:

Fernando Kesnault disse...

Pois é, a Polestar ja anunciou que fica na V8 Supercars até o fim dessa temporada e a Gary Rogers Motorsport esta pensando em continuar com o chassis para a temporada 2017. Muito triste...