sábado, 21 de setembro de 2013

Noticias: Fundo do estado português adquire o Autódromo de Portimão

Soube-se ontem que a sociedade que gere o Autódromo do Algarve foi adquirida por uma sociedade de capital de risco pertencente ao Estado português, a Portugal Ventures, por um valor não revelado. Apesar deste anuncio, feito no site da Autoridade da Concorrência (AdC), esta está dependente da aprovação desta para seguir em frente.

"A Portugal Capital Ventures, Sociedade de Capital de Risco, notifica a aquisição do controlo exclusivo da sociedade Parkalgar Serviços, que, por sua vez, vai adquirir o controlo exclusivo sobre um conjunto de ativos que integram um estabelecimento comercial localizado em Portimão" lê-se no site da AdC.

Inaugurado no final de 2008, o Autódromo do Algarve estava dependente de uma sociedade de imobiliário irlandesa, que logo depois se viu em dificuldades quando a bolha imobiliária rebentou no país e obrigou a pedir falência. Com essas dificuldades - que implicaram a paralisação das obras da zona imobiliária do autódromo, a Parkalgar pediu no final do ano passado a entrada no Processo Especial de Revitalização (PER), que passou pelo perdão de dívidas, juros e indemnizações, na ordem dos 40 milhões de euros, na renegociação de prazos e utilização de apartamentos ou lotes de terreno para pagamento da dívida.

2 comentários:

Ron Groo disse...

Isto é bom ou é ruim?

Paulo Cunha disse...

Agora o nosso país tem um autódromo com capacidade para se candidatar à realização de um Grande Prémio de Fórmula1...