segunda-feira, 20 de julho de 2015

A imagem do dia (II)

O motociclismo é mais perigoso do que o automobilismo. Os pilotos estão mais expostos e em situação de acidente não há nada que os proteja. O corpo é o seu ponto de impacto. Mesmo assim, no MotoGP, por exemplo, são raras as mortes. Aliás, a última é de 2011, com o Marco Simoncelli, na Malásia.

Mas por vezes há imagens e incidentes que nos chocam. Como o que aconteceu neste domingo à noite no circuito californiano de Laguna Seca, com as mortes dos pilotos espanhois Daniel Rivas Fernandez e Bernat Martinez na primeira volta da corrida a contar para a MotoAmerica, o campeonato americano de Superbike. Martinez tinha 35 anos e Rivas apenas 27. O acidente aconteceu metros após a partida da corrida.

Numa altura em que nós, petrolheads, estamos a fazer o luto pelo desaparecimento de um os nossos, ver isto simplesmente choca-nos. Porque independentemente do numero de rodas que gostamos de ter, a adrenalina e a velocidade é algo que nos une. E da minha parte, presto a minha solidariedade neste momento bem trágico.

2 comentários:

Sandro Varela disse...

Paulo, tudo bem? Só uma correção. a última morte na MotoGP aconteceu em 2011, no GP da Malásia, com o Marco Simoncelli. Abs

Paulo Alexandre Teixeira disse...

Obrigado, simplesmente não me lembrei dele.