domingo, 6 de dezembro de 2015

Youtube Formula 1 Classic: BRDC International Trophy, 1970


Oficialmente, Chris Amon nunca venceu um Grande Premio de Formula 1, e a sua fama nesse campo foi tal que Mário Andretti disse um dia sobre ele: "Se fosse coveiro, as pessoas parariam de morrer". Contudo, Amon teve na realidade duas vitórias na sua longa carreira na Formula 1, que aconteceu entre 1963 e 1976, com passagens pela Lola, Ferrari, March, Matra, Tecno, Tyrrell, BRM, Ensign e Wolf. 

A sua primeira vitória foi no BRDC International Trophy, em abril de 1970, no circuito de Silverstone, ao volante de um March, numa altura em que a equipa estava na mó de cima, pois Jackie Stewart tinha dado duas vitórias, uma não oficial, na Race of Champions, em Brands Hatch, e outra no GP de Espanha.

O dia de corridas em Silverstone teve grelhas enormes para a Formula 3, por exemplo, onde José Carlos Pace chegava a dar nas vistas, e onde Dave Walker venceu por lá e um jovem James Hunt fora quarto classificado. E nas imagens da corrida principal, poderemos ver coisas raras, como por exemplo, Bruce McLaren num capacete integral. Ele que iria morrer menos de dois meses após esta corrida...

Amon fez a pole a venceu no conjunto das duas mãos, dando à March mais uma vitória em corridas e dando à recém-formada equipa uma confiança de que o seu projeto estava certo. Eis as imagens da corrida, narrada por Peter Windsor.

1 comentário:

José Maria disse...

Boa noite desde o Brasil.
Apenas um adendo:
Apesar de a locução do vídeo citar o brasileiro como sendo José Carlos Pace, o saudoso Moco, na verdade quem aparece na imagem é o irmão mais velho do Emerson, Wilson Fittipaldi Junior.
Abraço.
Zé Maria