segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

O futuro será azul?

Hoje fui comprar o Autosport e deparei-me com uma matéria muito interessante: o futuro imediato de Alvaro Parente nas competições. Depois de impressionar os responsáveis da Renault no teste que fez em Jerez de la Frontera (querendo até que ele volte a testar dentro de algum tempo), temos o seu futuro imediato. E este se chama GP2.


No artigo, lê-se que há duas equipas que querem o piloto do Porto: Super Nova e Fisichella Motorsports. Este última, dirigida por Paolo Coloni, filho de Enzo Coloni, estaria disposta até a montar um esquema à volta dele, ou seja, primeiro piloto. Mas há um contra: Parente precisa de um milhão de euros para garantir essa vaga. O teste pode ter desbloqueado essa situação, nem que seja por outra via: a Renault pode pagar a sua época na GP2, a troco de um contrato de longo prazo, igual a aqueles que foram dados no passado a Fernando Alonso, Heiki Kovalainen e a Nelson Piquet Jr.. Mas isso tem um preço: que o seu "manager" passe a ser Flavio Briatore. Caso aconteça, não seria nenhuma catástrofe: com poucas excepções, todos os que passaram pelas mãos do italiano se deram bem. Olhem para o Fernando Alonso...

Uma coisa é certa: o futuro imediato de Alvaro Parente arrisca-se a ser azul. Esperemos e torçamos que sim...

2 comentários:

kimi_cris disse...

Também comprei o Autosport, e espero que isso aconteça.

OCTETO RACING TEAM disse...

Olá!!!

Muito obrigada pela visita e pelo recadinho!!!!
Seja sempre muito bem vindo!

Pois é ... nosso blog surgiu como uma diversão de 4 amigas ... e agora está crescendo!!!hehehe...

AH!! O seu blog também tem um espaço no nosso blogroll...

E aguarde porque teremos mais novidades em 2008 ...

Boa sorte com Parente! Se ficar na Renault e com Bria ... ele terá um ótimo futuro!

bjosss

Tatiana